Espaço Saúde

Cuidamos da sua saúde, cuidamos do seu sorriso.

Gravidez e Saúde Oral

Verdades e Mitos

Durante a gravidez surgem muitas dúvidas relativamente à possibilidade de realizar tratamentos dentários. Será que posso ser anestesiada? Porque é que a minha gengiva sangra? Será que os meus dentes estão a ficar sem cálcio?

Estas são algumas das perguntas mais frequentes que as grávidas formulam.

Assim, podemos começar por afirmar que:

  1. A gestação não impede qualquer tratamento dentário, mesmo quando é necessário utilizar anestesia.
  2. O sangramento e a dor nas gengivas durante este período devem-se às alterações hormonais próprias da gravidez.
  3. Os dentes não perdem cálcio, nem ficam mais fracos durante este período. O cálcio dos dentes é inerente aos mesmos e a gravidez não altera isso.
  4. As doenças das gengivas e as cáries são provocadas por microorganismos que podem passar para o seu bebé.

Se já existirem problemas dentários eles podem agravar-se durante a gravidez. Assim, é aconselhável a mulher consultar o seu médico dentista antes de engravidar e realizar consultas de rotina durante o período da gravidez, mesmo que não tenha dor. O risco de uma infeção oral nesta situação é muito prejudicial porque afeta o bebé e a prescrição de medicamentos é também muito limitada.

As grávidas acompanhadas no centro de saúde têm direito ao cheque dentista, sendo o seu médico de família responsável pela emissão do mesmo.

A mulher grávida tem de ter cuidados redobrados com a sua saúde oral para o seu bem-estar e do seu bebé.